quarta-feira, 21 de março de 2018

Limpeza e o Armazenamento das Lentes de Contato

Para manter a saúde ocular é preciso usar as lentes de contato corretamente, uma
 vez que elas sofrem
 interferências de fatores fisiológicos, como a própria lágrima, e também ambientais, como a poluição
. Por essas e outras razões é importante saber como é feita a limpeza e manutenção das lentes, além 
de respeitar o prazo de validade. Siga essas dicas e mantenha sua visão livre de problemas:

LIMPEZA DA LENTE

As lentes de contato devem ser higienizadas antes e depois do uso. Isso evita que micro-organismos
 externos entrem em contato com seu olho, prevenindo possíveis infecções. “Por isso é necessário
 também lavar as mãos com água e sabão antes de manusear as lentes”, explica a oftalmologista 
Tania Schaefer, da Sociedade Brasileira de Oftalmologia (SBO).
Após higienizar as mãos, já é possível retirar as lentes e higienizá-las. Certifique-se, antes de iniciar,
 que você obstruiu o ralo da pia com a redinha que acompanha o estojo. Dessa forma, você evita 
um possível acidente. “Então, coloque a lente nas mãos, pingue algumas gotas da solução e friccione
 levemente com os dedos para eliminar resíduos de sua superfície”, explica a oftalmologista Keila 
Monteiro de Carvalho, chefe do Departamento de Oftalmologia da UNICAMP. O mesmo
 procedimento deve ser repetido antes de colocá-las no estojo.
Outra dica é iniciar a limpeza sempre com a lente da esquerda ou da direita, a fim de prevenir 
qualquer confusão e troca das lentes. Também é importante nunca reutilizar a solução que ficou 
no estojo após as lentes serem colocadas nos olhos, sempre usando uma porção nova de solução
 a cada armazenamento.

LIMPEZA DO ESTOJO

Assim como as lentes de contato, o estojo deve ser higienizado para prevenir infecções por
 micro-organismos. É necessário usar a mesma solução das lentes para lavar o estojo – e não
 água. Enquanto ainda estiver com as lentes, higienize as mãos e utilize a solução para lavar o
 estojo. “Permita que o estojo seque no ar em vez de usar qualquer papel ou toalha – uma vez 
que a chance de contaminação é maior nesses casos”, explica a oftalmologista Tania. Encha o 
estojo com a solução e, só então, coloque as lentes. Lembre-se ainda de trocar o estojo a cada
 três meses, pois eles também podem se tornar um meio de contaminação com o tempo.